Aposto que ele come a bundinha

7 out

 

– Minha costa está doendo. Já lido com a ideia de perder o movimento das pernas.

– Vai contratar um negão para te carregar por aí?

– Talvez.

– É, parece algo que você faria em casos como esse.

– OK, entendo seu ponto, mas devo dizer que existem outras coisas que eu faria se deixasse de andar.

– Tentar dar drift com a cadeira de rodas?

tumblr_msnqjwaKd71rrue2bo1_400

– Ah, claro! Mas digo, OUTRAS coisas.

– Seja mais específico, por favor.

– Eu rasparia a cabeça.

– Você perde os movimentos das pernas e decide raspar a cabeça? Estranho.

– Não é estranho. Seria uma homenagem ao Professor Xavier.

– Aquele que curte chupar o Magneto?

– Não há evidências desse possível caso entre eles!

– Ah, mas ele curte. Você quer ser parecido com ele porque quer curtir, também?

– Não.

– Tudo bem. Ei, tenho uma dúvida.

– Diga.

– Se você ficar numa cadeira de rodas, posso enfiar uma vassoura entre as rodas e travar elas apenas para te infernizar?

– Pode, vai ser legal.

– Sim. Acha que o magneto tentava travar as rodas da cadeira do Professor Xavier?

– Não, acho que não.

– É, ele deveria usar o cabo de vassoura para outras finalidades.

– Qual é seu problema?!

– Bom, a impunidade pelo assassinato do MC Daleste é o principal deles.

– Entendo.

– Minha namorada estar saindo de madrugada pra dar lancinho com outro cara, também é um problema. Em menor escala, porém.

.

– Entendo. Sempre te disse que essa vagabunda não era de confiança.

– Eu sei, mas ela tem uma bundinha legal.

– Bom argumento. Será que o cara é um negão?

– Não basta ele comer minha namorada e agora você quer que ele te carregue por aí no caso de você perder o movimento das pernas?

– Entendo sua revolta, mas ele pode ser um cara legal. Não o julgue apenas por ele comer sua namorada.

– Cara, eu só julgo 3 tipos de pessoas: quem vai de abadá para a academia, quem é otaku e quem começa a comer coxinha pelo biquinho.

– Justo. Aposto que ele come a bundinha.

– A bundinha da coxinha?

– Não, da sua namorada.