Trapaça: um filme tão bom que meu braço ficou dormente

17 fev

 

Assisti o filme sem prestar muita atenção nele e por isso não julguei necessário escrever algo. Uma semana depois mudei de ideia porque mesmo um texto superficial sobre o filme era melhor do que nada e assim, eu manteria a tradição de ter escrito textos icônicos sobre cada filme devidamente assistido por mim dentro de um cinema nos últimos anos.

Mentira. Fui obrigado a escrever, mesmo.

Eu estava em um dia bem vegano (inclusive, ao lado de uma) e nada de pipoca média e latinha de Coca-Cola dessa vez. O dia estava diabolicamente quente e uma garrada d’água foi a opção mais legal.

Depois de julgar velhinhos, entrar na sala, assistir comerciais e trailers, o filme começou.

AHUSTLE_TSRPOSTER_BRAZIL

Eu disse que não prestei muita atenção no filme e já faz uma semana desde que o assisti, então não posso ser julgado por não lembrar de muita coisa.

Sei que o personagem do Cristian Bale dava golpes (nada muito absurdo) e após conhecer a personagem da Amy Adams (que está bem bonita no filme), começa a incrementar mais tais golpes. O personagem do Bale tem um filho e mantém um certo relacionamento (não vou lembrar qual) com a personagem da Jennifer Lawrence (que também está bonita no filme). De início, a personagem da Lawrence não parece fazer parte desses golpes, mas isso muda no decorrer do filme.

OK.

Não lembro como aconteceu, mas um golpe dá errado e eles acabam tendo que realizar mais golpes apenas para entregar pessoas para o FBI (ou alguma outra agência) em troca de redução de pena ou talvez até para não serem presos. Chegam em alguns nomes um pouco mais importantes e um último grande golpe é planejado.

Dessa parte até o final do filme, me lembro de ver muito decote em tela. Ah, e tem uma cena massa da personagem da Jennifer Lawrence cantando Live And Let Die.

No final, o golpe parece dar mais do que certo e quase todos vivem felizes para sempre.

~

 

Então, como poucas pessoas sabem (considerando ameaças de morte que recebi pela nota de Man of Steel), a nota que dou não é apenas para o filme. Tudo na sessão é levado em conta.

Essa sessão foi muito massa e por isso, dou incríveis 9 Xícarazinhas para Trapaça.

9

~

Em minha defesa, não consegui ler metade da legenda do filme. Por isso não entendi tudo. O pior é que nem era culpa do maluco que fica na salinha lá em cima dando play nos filmes.